6.4.04

ave, julio



Perdemos a virgindade de Cortázar - que adormecia há anos na minha estante - lendo A auto-estrada do sul. Jane Austen que me perdoe, mas tive que enxotar Mr. Darcy e Miss Bennet de meus pensamentos para me dedicar a Todos os fogos o fogo.

Magnífico. Viciante. Já caminho para o terceiro conto. Talvez pule direto para A ilha do meio-dia. Humm... Elucubrações.

Só não li A auto-estrada... de uma tacada só porque o Tylenol PM roubou minha alma e eu grudei nos lençóis. Mas continuamos no ônibus. Melhor lugar não há para ler... exceto quando o conto fala sobre um engarrafamento monstro e fantástico. E eu, presa na Consolação entupida, comecei a olhar para os lados e ficar com medo.

(obrigada pela dica, querido)