14.11.05

E é impossível não pensar se esta característica do pequeno Enrique foi herdada do pai. Hahahaha.